sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Tribo de Manasses

Filho de José

Censo. A tribo de Manassés é procedente do filho de Manassés, Maquir; do filho de Maquir Gileade, e dos seis filhos de Gileade (Nm 26:28-34). no começo da marcha pelo deserto, o número dos homens de guerra está numerado em 32.200 (Nm 1:34). No 2º censo eles tinham aumentado para a 52.700 (Nm 26:34). No censo nas planícies de Moabe, Manassés é nomeado antes de Efraim, e aparece muitas vezes como uma tribo poderosa (Nm 26:28).

Posição. No acampamento, estavam junto da tribo de Benjamim, pelo estandarte da tribo de Efraim, no lado ocidental do tabernáculo.

Estandarte. De acordo com a tradição rabínica, o estandarte de Efraim era uma bandeira dourada na qual a cabeça de um bezerro foi representada. De acordo com Pseudo-Targum de Jon, o estandarte de Manassés era a figura de um menino, com a inscrição "A nuvem de Yahweh repousou sobre eles até que saíram do acampamento".

Viajando. " Todos os que foram contados no exército de Efraim (Benjamim e Manassés) foram cento e oito mil e cem, segundo os seus esquadrões; e estes marcharão em terceiro lugar.". (Nm 2:24).

Representantes. No Sinai o príncipe da tribo era Gamaliel, filho de Pedazur (Nm 2:20). A tribo foi representada entre os espias por Gadi, filho de Susi (Num13:11, onde a tribo de nome " de José " parece ser usado como uma alternativa).

Notas interessantes. A tribo de Manassés era conhecida por sua coragem, e dois juizes famosos: Gideão (Jz. 6:11-8:35) e Jefté (Jz 11:1-12:7). Durante o de reinado de Saul, homens de Manassés uniram-se a Davi em Ziclague (1 Chr. 12:19-20). Depois, grande parte do povo de Manassés ocidental e oriental se reuniram para fazer para a Davi rei em Hebrom (1 Cr 12:31,37). Por causa das fortalezas dos cananeus e cidades fortes na terra (por exemplo, Megido, En Dor, Tanaque, Dor, Ibleão, e Bete-Seão), Manassés ocidental teve dificuldade com os cananeus em seu território. Quando ficou forte, porém, não expeliu os cananeus, mas os sujeitou à pagar tributo (Js 17:13).

A Divisão de Terra. Na divisão da Terra de Canaã, foi provido para Manassés porçõs em ambos os lados do Rio Jordão. Manassés oriental só poderia ocupar sua terra depois que tivesse ajudado as outras tribos a conquistar os seus territórios (Nm 32:1-33). por causa das fortalezas de cananeus e cidades fortes na terra (por exemplo, Megido, En Dor, Tanaque, Dor, Ibleão, e Bete-Seão), Manassés ocidental teve dificuldade com os cananeus em seu território.

O Homem Manassés

Heb. Manasheh ("fazendo esquecer ")

Manassés era o primeiro dos dois filhos de José por Azenate, a filha de Potífera, sacerdote de Om:

Gen 41:50-51 "E nasceram a José dois filhos (antes que viesse um ano de fome), que lhe deu Azenate, filha de Potífera, sacerdote de Om. E chamou José ao primogênito Manassés, porque disse: Deus me fez esquecer de todo o meu trabalho, e de toda a casa de meu pai."

O nascimento de um filho realmente foi o clímax da felicidade de José após a amargura da sua longa experiência. Quando estava próxima a morte de Jacó, José trouxe os seus dois filhos para que seu pai os abençoasse. Jacó preferiu a Efraim, o segundo filho de José, ao invés de Manassés o irmão mais velho, indicando assim as posições relativas dos seus descendentes (Gen 48). Antes de José morrer ele viu os filhos de Maquir, o filho de Manassés (50:23). Maquir nasceu a Manassés através da sua concubina, uma síria (1 Cr 7:14). Se Maquir se casou com Maaca antes de deixar o Egito isto não é dito. Ela era a irmã de Hupim e Shupim.

Sobre a vida pessoal de Manassés nenhum detalhe é registrado nas Escrituras.


A Tradição Judaica

De acordo com a tradição judaica, Manassés se tornou o mordomo do casa de seu pai, e agiu como intérprete entre José e seus irmãos.

0 comentarios:

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...